top of page

Qual o "melhor" curso de graduação no período pré-pandemia?

Atualizado: 31 de out. de 2023

Vamos analisar uma série histórica de 6 anos, entre 2014 e 2019, para tentar responder essa pergunta. Mas, antes de continuarmos, é importante entender qual critério vamos usar para buscar o "melhor" curso.


Considerando que o valor agregado pelo processo formativo oferecido pelo curso, mensurado a partir dos valores do Indicador de Diferença entre os Desempenhos Observado e Esperado (IDD), representa 35,0% do CPC, este será nosso critério. Ou, como costumo "brincar" com os colegas, o "ilustre desconhecido".


Apesar de ser o componente com maior peso no CPC e medir o valor agregado pelo curso ao desenvolvimento dos estudantes concluintes, a maioria não o conhece. Muitos gestores de IES sequer ouviram falar do IDD, nem sabem que (sim), é possível fazer gestão sobre seu resultado, desenvolver estratégias para aplicar em seus cursos e estudantes visando melhorar o resultado do IDD e, consequentemente, do CPC.


Para facilitar o entendimento, vou exemplificar de uma forma bem simplista: imagine que seu estudante esteja disputando uma corrida (a prova do ENADE) e que nos treinos (a prova do ENEM) o melhor resultado que ele conseguiu foi chagar em 100º lugar na área de avaliação a qual ele pertence. Ao terminar a graduação se ele terminar essa "corrida" em uma posição melhor, significa que o processo formativo agregou algo à formação daquele estudante (quando comparado com seus pares, claro). Caso contrário, o valor agregado ficou abaixo dos demais "corredores".


Não vamos "ranquear" ninguém, pois não faremos comparações entre este ou aquele curso. Apenas vamos identificar o que alcançou o melhor resultado no IDD no período selecionado (escolhido em função da mudança no cálculo e dos resultados já publicados).


Então, sem mais rodeios, o "melhor" cursos de graduação da série analisada foi o de ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO, da Universidade Federal de São Paulo, em 2017. Muitos poderão pensar que o excelente resultado (a Nota Bruta no IDD foi de 29,1654) se deu em função do nível dos seus estudantes ingressantes, uma vez que o processo seletivo seria bem rigoroso, mas, não é bem assim (basta pesquisar os resultados do ITA).


Marcos Rosa




Comments


bottom of page